Destaque da semana

Loading...

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

CaP 6 ____________ O sonho de Pedro

                                                             *
                                                          *     *


Diário de bordo n° 028
Protocolo 17
Comando 916 ___ ConfidenciaL
______________________________________________________________________



Se não fossem meus passes energéticos e constantes vibrações positivas emanados em Pedro não sei se ele conseguiria suportar tamanha abertura de consciência. Que viagem alucinante esse garoto teve à poucos instantes atrás! Apesar de sua origem estelar, ele estava a muitos ciclos aprisionado a esta realidade densa e recordar tanta coisa assim, de impacto, poderia lhe causar no mínimo uma congestão estomacal pelo excesso de informações. Mas meu amado irmãozinho se saiu muito bem, e agora dormia como uma criança. Eu ficava a observar seus pensamentos e seus sonhos mais profundos.

Era um momento de rara beleza. É sempre maravilhoso observar o despertar de um ser sensciente, seja ele da espécie ou origem que for. As energias liberadas em tal processo são um espetáculo a parte e eu estava ali, vivendo este momento, sentindo e vivenciando este tão belo e raro momento de evolução. Não só a evolução dele, mas a minha também e quiçá de outros acima e ao redor de nós nas infinitas dimensões da Realidade Maior. A vida é um ciclo harmônico perfeito, tudo está conectado a tudo. Parei por alguns instantes para sentir as energias que fluiam no ar e observar com atenção as imagens mentais de Pedro.

O jovem pescador estava sendo levado em sonho à uma distante localidade na terceira dimensão chamada de ' Recanto de uma Estrela '. É um lugar muito especial e famoso entre os Seres de Luz que habitam aqui na 3D. Muitos seres humanos são levados pra lá com diferentes finalidades. É definitivamente um lugar sagrado e abençoado pelos Mestres e Avatares Cósmicos. Muito já tinha lido e estudado sobre esse iluminado lugar, mas ver com meus próprios olhos é uma visão espetacular!

Uma torre iluminada até o alto se erguia no centro do local, em contraste com um céu que brilhava com corees que iam do violeta ao verde, com flashes prateados a todo momento dando a impressão de estarmos sob uma redoma energética protetora, quase um escudo de força. Pequenos prédios ficavam ao redor, com movimento de pessoas que se assemelhavam a estudantes de uma universidade terrestre. Nos limites da cidade existiam altas muralhas, que a defendiam de toda e qualquer força que ousasse invadir e perturbar a paz desse lugar.

 Me perdi em minhas visões mas logo voltei minhas atenções à Pedro. Podia vê lo ao longe, ainda semi- inconsciente em companhia de dois seres altos e azuis, que emanavam uma intensa luz cristalina. Observei seus pensamentos e percebi que estavam se preparando para despertar o jovem viajante.

- Pedro, acorde!, Disse um dos seres azuis, com um olhar meigo e carinhoso que buscava os olhos semi abertos do jovem rapaz.
- Eu.. Eu.. Eu estou aqui realmente?
- Sim amado viajante dos sonhos. Está sonhando mas este sonho não será como os outros sonhos comuns. Aqui você estará desperto, consciente e tendo a total percepção de tudo o que está se passando ao seu redor. Chamamos isso de sonho lúcido, e são os sonhos que tem maior valor paara os seres em processo de evolução e despertar em todos os planetas do Universo. O sonho lúcido, esse sim, leva à compreensão, meu jovem rapaz.
- Poderei me lembrar de tudo isso amanhã?
- Sim, lembrará de quase tudo, dependendo do grau de interesse que você tiver com tudo isso. Se for total, lembrará de tudo meu filho. Como bem sabe, até mesmo os cientistas da Terra ja descobriram que na verdade não existe falta de memória, como todos diziam. Existe sim a falta de interesse!
- Isso quer dizer que, se estamos realmente interessados, lembramos de tudo que acontece sem precisar fazer força?, Disse Pedro empolgado.
- Mais ou menos isso. Mas não são apenas esses os segredos que esperam para ser revelados à você esta noite e temos pouco tempo aqui, por isso, venha conosco meu amado filho da luz. Vamos entrar na sala de reuniões, teremos lá dentro um convidado muito especial que certamente será de grande ajuda ao seu despertar!

Com um sorriso confiante no rosto, Pedro entrou pela linda e decorada porta do edifício. Sentimentos de amor e cura emanavam dos tres personagens e eu podia sentir facilmente as elevadas vibrações que os acompanhavam. Dentro da sala, para minha alegre surpresa, vejo dentre os muitos presentes um antigo e amado companheiro de viagens intergalácticas e que eu havia conhecido em uma de minhas muitas viagens siderais à outros mundos. MiKa, grande ser e iluminado general intergaláctico!  Havia mais de 10.000 anos terrestres que não nos encontrávamos e ele, ao me ver, sorriu timidamente e fechou os olhos em oração. Foi uma estranha e grata surpresa, pois sabia em meu íntimo que alguma coisa ainda maior estava reservada, e agora não só a Pedro, mas à mim também.Que grata surpresa!

O silêncio tomava conta da sala e todos respeitosamente se mantinham em prece. Uma melodia suave fluia no ar e todos pareciam muito felizes de estar ali. De repente, interrompendo o silêncio profundo do lugar, Um Ser de elevada estatura e que emanava intensos raios prateados levantou, se dirigiu ao púlpito que se encontrava em meio a todos os presentes e começou a falar, em um tom suave mas firme:

- Sejam todos bem vindos à mais um ' encontro das estrelas' aqui em nosso recanto. Que a paz dos Mestres esteja com todos nós! Todas as noites de quarta feira, recebemos um convidado especial para prestar seu testemunho da Realidade Maior e de nosso Eterno Pai celestial. Hoje temos aqui entre nós um grande General da Ordem dos Voronandeck, que muito contribuiu ao longo das Eras para a evolução de nosso Universo e especialmente de nosso planeta terra. Estamos gratos e felizes por ele poder estar aqui hoje e nos presentear com suas palavras de poder. Este General da frota intergaláctica está aqui neste Orbe Terrenal em busca de muitos de seus amigos e antigos aliados que aqui vieram em missão e, devido à ação nociva dos seres das trevas, não conseguiram voltar à seus devidos planetas de origem. É uma honra receber aqui nosso irmão MiKa. Que os Mestres estejam presentes!
- Que assim aconteça!, responderam harmônica e respeiosamente, todos os participantes da reunião.

Era uma surpresa e tanto pra mim! Com certeza o ser estava se referindo ao meu grande e fiel amigo na luz maior que estava ali presente, pois MiKa já era um renomado general das forças da luz quando o conheci milhares de anos atrás, e depois de tantos anos por certo se tornou um integrante das Altas Hierarquias Celestes na causa do Bem Maior.

Estive tão tenso e ocupado por aqui na Terra nesses ultimos milênios que pouco ou nada soube à respeito do desenrolar dos eventos no resto do Cosmos, após a deflagração da Grande Rebelião. Que alegria sentia em meu peito! Ele estava passando por um desafio idêntico ao meu, e muito pode me orientar e ajudar com suas sofrências, vivências e informações. Senti me acariciado pela existência com tal presente. Logo após o protocolo e as sábias palavras proferidas pelo ser de luz que fazia a abertura da reunião, MiKa levantou- se, e, ocupando a bancada em que foi apresentado instantes, abriu um terno e sincero sorriso. Sua energia e luz podiam ser vistas em seus olhos, na sua face, em suas expressões. Uma força poderosa tomou conta do lugar e podia ser facilmente sentida todos os presentes. Finalmente, após um profundo olhar amoroso à todos ali sentados, o general começou dizendo:

- Meus amados irmãos! Que alegria poder estar aqui e compartilhar minhas experiências e meu testemunho com cada um de vocês. Sintam- se especiais, assim como eu me sinto. Pois se estão aqui hoje é porque aqui na Terra ou em outros Orbes e dimensões alguém está torcendo muito por vocês, individualmente.
 Cada um de nós tem a centelha divina em Si e Deus Pai/ Mãe Eterno está e sempre esteve ddentro de nós desde sempre. Perfeitos são os desígnios da Suprema Mãe/ Pai e aqui estamos justamente para melhorar a nós mesmos e consequentemente melhorar toda a existência, em busca do Perfeito e do Belo.

- Em minha arrogância e ignorância um dia pensei que pudese ir contra esses desígnios e passar por cima da Lei Maior para obter os meus interesses. Pura tacanhisse, obtusidade mesmo. O livre arbítrio, que é ao meu ver o maior presente dado aos filhos da criação, é também a a maior maldição quando usado para optar por caminhos pedregosos e espinhentos. E, por opção própria, trilhei caminhos que me desviaram dos Desígnios Da evolução e do Bem Maior. Em meio à minha derrocada, quando sentia que nem mesmo os deuses Celestiais poderiam me ajudar, tive a maior prova de amor que um pai pode dar à um filho, recei o carinho maior que uma mãe pode oferecer à um amado filho de seu próprio ventre.

MiKa silencia por uns instantes. Respira profundamente, e com um semblante mais sério continua:

Recebi uma nova chance, uma segunda chance de refazer todo mal por mim causado não só a mim mas também à meus semelhantes. No momento de maior tristeza e desolação de minha halma, atormentado pelas consequências de minhas más escolhas, uma Luz se abriu sobre mim. Uma Luz de amor, uma Luz de esperança que veio somente depois de um pedido profundo e sincero da minha parte. Abri minha boca, escancarei mesmo e gritei com todas as forças de meu ser por um apoio, um sinal, um resgate de minha queda eminente. Batei e vos será aberto; Pedi, de verdade, e vos será dado! E sim, meus amdos irmãos, eu recebi esta Divina ajuda. E justamente por isso, por ter recebido ajuda quando preciso e por saber que nenhum caso jamais é um caso perdido, que recebi a chance a oportunidade de estar aqui agora servindo à causa do Bem Maior, com todo meu coração e com cada fibra do meu Ser. Por ter sofrido, entendo a alegria. Por ter me sentido sozinho, aprendi o valor da união amorosa e fraterna. Vendo a sombra pude contemplar a Luz, e assim, fiz a minha escolha.

- Minha história começa a partir daí, a partir de minha aceitação do Plano Maior e começo de meu trabalho junto às Frotas Estelares. A vida começa quando o medo acaba. Há cerca de 450 anos terrenos uma grande operação foi montada em meu planeta natal e nos demais planetas vizinhos que orbitam AltairIV, mais ou menos xxxxxx? anos luz da Terra.

Nesta época remota eu estava desenvolvendo maravilhosas pesquisas no campo da termodinâmica e as energias da anti- matéria ao lado de grandes geneticistas Siderais, e por isso, por ter um elevado conhecimento nesses campos do conhecimento e ser também bem organizado com minhas tarefas materiais e espirituais, fui requisitado como líder de um grupo de cientistas que iriam embarcar para estudos em Orbes menos evoluídos, mais densos energéticamente e ainda em estado de expiação kármica - como a Terra.

Meu grupo foi deslocado para este quadrante, Universo Local de Nebadon mais precisamente em Urântia, como seu planeta é conhecido pelos planetas confederados. Nossa nave ficou parada a mais ou menos 2mil Km de distância do vosso campo eletromagnético entre a sexta e a sétima dimensão, não visível através de seus telescópios comuns. Eu, assim como meus 28 irmãos, entre médicos, comandantes e pesquisadores, congelamos nossos corpos nas conhecidas 'câmaras criogênicas', não sem antes nos projetarmos fora do corpo e ativar o processo de descida a terceira dimensão. A meta era de no máximo 5 à 6 encarnações para cada um, tempo mais que suficiente para adquirir as experiências e observações necessárias para o término daquela missão em particular. Muitas outras provas desse tipo já haviam sido realizadas com êxito por muitos de nosso irmãos estelares e era chegada a nossa vez de experiementar esse grande passo evolutivo, que é descer a frequência vibratória e entrar em um campo eletromagnético de um planeta de densidade inferior, em Missão.

Entretanto o futuro, que é sempre uma incógnita, nos reservou o inesperado. Uma séria intervenção das forças trévicas ocorreu neste orbe poucos anos após nosso encarne e, com excessão de dois companheiros e eu, 25 irmãos estão presos ao campo magnético da terra a muito mais tempo do que deveriam, devido a forte influência negativa que sofreram aqui, que foi muito mais do que previsto. Presos ao Orbe, se conectaram à frequencias nefastas que invadiram este planeta e estão aqui, ainda perdidos e sem um  rumo para suas almas errantes.

Há alguns anos venho recebendo ajuda de Mestres e outros generais de toda Galáxia para o resgate de meus irmãos, sem sucesso. Entretanto, recentemente chegou à meus ouvidos que cinco de meus tripulantes aptos e limpos o suficiente para um contacto e possivelmente um despertar, que lhes aponte o caminho de nossa nave.

Grato sou, do mais profundo de minha alma e coração, à Amada Mãe/ Pai Maior! Grato sou por tantas e tão maravilhosas bençãos!

 Persistirei até conseguir êxito! Saber que meus amados irmãos siderais, mesmo que poucos, estão lentamente conseguindo a pureza necessária para a retirada me motiva ainda mais a continuar a luta e jamais desistir de resgatar meus irmãos de luz!

Até que enfim, depois de tanto sofrimento e luta, possamos voltar pra nosso amado lar nas estrelas. Posso sentir as orações e vibrações vindas de nosso planeta natal e meu coração se enche de coragem e esperança! Esperança essa que caminha com cada um de vocês, que aqui e agora compartilham esses momentos ao meu lado. Sinto- me honrado e sinceramente sou muito grato à cada um de vocês.

Com os olhos encharcados e a voz embargada pelo choro, MiKa finalizou seu tão emocionante e elucidativo testemunho:

- Sou grato à Existência por ter me feito a imagem e semelhança de nosso Pai Maior! Em poucos dias estarei partindo para mais uma encarnação na Terra, desta vez como filho de um de meus tripulantes e com todas chances de trabalhar com outros dois. E assim a caminhada prossegue, com alegria no olhar e confiança em cada passo, pois sei que o Pai/ Mãe está comigo. Que os Mestres estejam presentes hoje e sempre. E que assim aconteça!

Todos repetiram: ' Que assim aconteça' e começaram a se retirar, num silêncio que falava mais alto que mil palavras. Caminhei em direção à Miguel e ele, com um sorriso nos lábios me deu um caloroso e demorado abraço, enquanto beijava lhe as faces, com todo respeito e amor por aquele maravilhoso guerreiro da luz. Procurei por pedro com um olhar e vi que ele já estava sendo encaminhado com todo amor e carinho para o retorno à seu corpo físico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário