Destaque da semana

Loading...

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

ProtocoLo 005

Então,
2012 começou com tudo mesmo. A sensação de morte está no ar.
"Ui!" __ Diz a véia sentada na frente do Lap Lendo este post.
InfeLizmente me obrigo a ser sincero. PeLo menos aqui, escrevendo este post sozinho no meu canto escuro da saLa de estar. Goste quem quiser, impressione se quem quiser, leia quem quiser. Essa é a intençao, apenas botar pra fora minhas inquietações existenciais.
Escrever.
E mais nada.
Tava pensando sobre a morte e a vida, degustando aLguns fatos a minha voLta e observando..
Cheguei a (in)concLusão de que na vida tudo vem em dose dupLa.
E por mais que não aceitemos ou bLoqueemos nossa visão e percepção das coisas eu repito:
Tudo nessa vida TerrenaL vem em dose dupLa.
Se estamos aLegres, bem Lá no fundo existe um tristezinha esquecida, reprimida, prestes a se manifestar. Coisa doida isso. Uma notícia ruim nos pega de surpresa e ao mesmo tempo em que estamos imersos na tragédia em si uma parte de nós está aLegre, esta´Lá esperando a choradeira passar pra voLtar a dar boa risadas. Deve ser o que o famoso ditado: "Tudo passa!" deve significar.
Com certeza (eu penso) isso é bom e maL..
E está de voLta a duaLidade! Sempre, sempre a nossa voLta. Preste atenção!
Tudo dois, tudo dupLo, conectados.
Nossa, que papo doido, quase deu um nó nos neurônios aqui.
Desconfio que esse não seja um papo pra mente, se é que me entendem.
Inquietações, inquietações, inquietações..
Depois eu ainda recLamo que tenho insônia. =/

PeLo amor de Deus o que se passa?!
Quer dizer então que não adianta estar feLiz que essa taL de tristeza não vai me abandonar nunca?!
Quer dizer que por mais triste que eu esteja a aLegria tbm vai aparecer de uma hora pra outra!?
TaLvez simpLesmente queira dizer que existe aLgo aLém dessa duaLidade aparente, taLvez nos diga cLara e óbviamente que todas as poLaridades que conhecemos por duas na verdade são uma coisa só.
Bom e mau, beLo e feio, certo e errado céu e inferno taLvez sejam a face de uma mesma moeda. O que fazer com essa percepção eu não sei, mas só o fato de ver isso tudo já me aguça aLguma coisa, dentro de mim aLguma coisa muda.

Penso que vida e morte reaLmente devem estar intimamente interLigadas;
 fazem parte intrínsecamente uma da outra,
não podem existir separadas uma da a outra.
É como tirar uma parte vitaL de um ser vivo e querer que eLe continue vivo depois. SimpLesmente impossíveL. Lembro da música dos Titãs: " As fLores são de plástico.. " ___ FLores de pLástico não precisam ser regadas, não morrem, não vivem tbm.. taLvez pareçam bem vivas na aparência mas é só se aproximar que vemos a faLsidade de toda a coisa. Sem perfume, sem textura, sem vida.
FLores Reais morrem, sim.
Mas vivem intensamente,
brotam exaLam seu perfume,
embeLezam o mundo,
trazem paz e aLegria ao viver e não cobram nada por isso!
Que grande ensinamente as fLores nos dão não é mesmo?!

As FLores Reais me Lembram o poeta que disse que " (..) posto que é chama, que seja eterno enquanto dure. " __ É Óbvio, seja eterno, seja intenso enquanto você durar aqui na Terra, por que uma hora você vai morrer, já parou pra pensar?!
E o que será que São Pedro ou sei Lá quaL santo que é o síndico do Céu vai nos perguntar Lá em cima? Se perguntar se fui bom ou mau, se fui um cara do Bem ou do MaL, direi que sou do Bem, penso que sou do Bem, como a maioria de nós pensamos, mas no fundo, no fundo não sei a resposta exata. Sabe se Lá os mparâmetros que estou sendo medido, quais serão as Leis de Deus pra entrar ou não no Céu, será mesmo que aLgum Livro Sagrado de quaLquer reLigião as tem?!

Agora, se ELe me perguntar se vivi a vida intensamente eu direi um largo sim! __ e isso pra mim já é o Céu.

O que me aguardar nessa outra vida encararei intensamente e de novo será o Céu e se preciso for tranformarei o próprio Inferno num Lugar mais bacana apenas com meu sorriso meu Amor e minha intensidade!.

A vida não é eterna a primeira vista.. Mas assim como a moeda tem dois Lados, que a vida transitória na Terra seja só aparente, e que esconda a vida Eterna, sorrindo pra nós do outro Lado da moeda.
Que as fLores Reais nascam, crescam e fLorescam para depois morrerem e renascerem em outra fLor!
E que a nossa percepção da Existência MaraviLhosa qe nos cerca cresca e se aLargue mais e mais, com os momentos de intensa feLicidade assim como nos momentos de intensa dor.

Namastê.

Nenhum comentário:

Postar um comentário