Destaque da semana

Loading...

domingo, 29 de março de 2009

SOBRE A CONFEDERAÇÃO INTERGALÁTICA, Por SANAT KUMARA

Este importante documento merece ser lido e estudado, com uma atenção especial.
Profundo, Verdadeiro, Forte.. Enfim, com a cara da Grande Fraternidade Branca!
Salve Sanat Kumara!
Obrigado do fundo do coração, por tudo!

***



“Já estão acostumados com a ”diferença”?
Vocês já aprenderam a respeitar a “diferença”?
Mirem-se em vocês mesmos como são hoje. Visualizem-se hoje.
Vocês já aprenderam a respeitar uma pessoa, quando ela, no seu dia a dia, , está usando uma roupa que é muito diferente da usual para aquela cultura na qual vocês vivem ?
Quando alguém apresenta um tom de pele diferente ou características biotípicas das que são mais corriqueiras no mundo de vocês, vocês já aprenderam a aceitar bem isso?
Muitos aqui podem até achar que sim, porém duvido muito. No íntimo há sempre um resquício de angústia gerado pelo “diferente”, de ressentimento gerado pelo “diferente”. E às vezes de ódio gerado pelo “diferente”...
Aqui, nesta sala, vocês estão cercados de seres completamente diferentes uns dos outros. Vocês não podem vê-los, mas eles estão aqui.
Aqui há seres com roupas diferentes daquelas que vocês estão acostumados, seres com expressões fisionômicas diferentes, alturas diferentes, gestuais diferentes, formas diferentes de expressão e comunicação.
Vejam os seus Mestres. Eles mesmos são diferentes nas suas formas de manifestação e de expressão. Por que respeitar a Eles e ter tanta dificuldade em respeitar aquele que está a seu lado?
Um dos preceitos da Confederação Intergaláctica, como vocês já sabem, é o respeito a todas as formas de vida, e nenhum membro da Confederação Intergaláctica pode em qualquer momento cometer uma infração de qualquer uma das leis do Conselho.
Sugiro, como forma de dinamizar a vibração de todos os seus corpos inferiores, mirarem-se também nos princípios da Confederação Intergaláctica diretamente ligada a esse grupo.
Sem a Confederação Intergaláctica esse grupo não existiria. Este grupo foi criado para atender os interesses da Confederação Intergaláctica.
Não pensem que fazem parte deste grupo apenas e tão somente os seres chamados de extraplanetários.
O que é um extraplanetário? Simplesmente um ser que veio de fora.
Aqueles entre vocês que vieram de fora, também podem ser considerados extraplanetários. E estão aqui há eras, há milhões de anos, já sendo praticamente terrestres.
Não importa que o termo seja “extraplanetário”, não importa que o termo seja “terrestre”; o que importa é que todos pertencemos à Confederação Intergaláctica.
Os Mestres pertencem à Confederação Intergaláctica, todos os Seres de Luz pertencem à Confederação Intergaláctica, todos os grandes trabalhadores da Luz pertencem à Confederação Intergaláctica.
E a Confederação Intergaláctica é extremamente rigorosa nas suas leis.
Até hoje a Terra ainda não tinha condições de fazer parte da Confederação Intergaláctica. Ela está, ao longo dos anos, se preparando para isso.
De fato houve uma grande aceleração a partir das últimas décadas. Isso é facilmente observável pela análise do que aqui foi exposto hoje.
Por que só nessas últimas décadas?
Simplesmente, meus caros, por que não havia condições que isso fosse implantado antes. Os corpos inferiores e a própria estruturação planetária não permitia que toda essa carga de energia fosse recepcionada anteriormente.
Somente a partir dos últimos anos é que existiu uma reestruturação tal que, permitiu o envio de grandes energias, de energias de elevada vibração para cá.


Nós queimaríamos os corpos de todos vocês caso essa carga de energia fosse encaminhada. Imaginem todas as alterações que se processam hoje, já, em todos os campos da sociedade, ocorrendo alguns tempos atrás, algumas décadas atrás, alguns séculos atrás. Absolutamente impensável!
Somente alguns seres extremamente avançados, extremamente avançados, conseguiam captar essas vibrações e não pensem vocês que a vida desses seres era fácil. Não. Era muito mais difícil que a de vocês, pois vocês hoje têm acesso as informações no período de abertura.
Imaginem ter acesso a essas informações, e até a informações superiores a essas, e receber toda essa quantidade de energia em um período de absoluta treva... Imaginem isso ocorrendo no período negro da história da humanidade, imaginem isso ocorrendo naquilo que vocês conhecem como Idade Média, período em que todo o planeta retrocedeu várias décadas...
Porém, nada acontece sem o acompanhamento do olho de Deus e se aquilo ocorreu é porque havia necessidade de que seres se purificassem naquele período, assim como houve necessidade de que muitos seres se purificassem durante o período das guerras e assim como há necessidade de que muitos seres se purifiquem durante as guerras ainda hoje.
Portanto não menosprezem as guerras, elas têm a sua finalidade. É a maneira como essas consciências, ainda primitivas, escolheram para se purificarem.
Infelizmente.
Nisso não podemos interferir e não vamos interferir, desde que não haja danos globais para o planeta. No momento que houver qualquer possibilidade de dano global ao planeta, então interferiremos com todas as ferramentas, com todas as armas, com todos os nossos recursos, pois temos poder e autorização para isso.
Foi-nos concedido por SANANDA, pelo Conselho dos Grandes e por todos os Comandantes que gerenciam todo o processo da abertura, em caso de necessidade, bloquear de forma rigorosa qualquer evento global que possa danificar o corpo deste sistema planetário. É ordem superior.
Não subestimem o poder desses irmãos seus que estão do seu lado tentando auxiliá-los ao máximo na preservação da amada Mãe Terra. Qualquer dano a este nesse planeta interferirá enormemente em todo sistema solar, que por sua vez interferirá enormemente em toda galáxia, que por sua vez interferirá enormemente em todas as galáxias próximas.
Existe limite para o livre-arbítrio.
Se houver necessidade, haverá sim, translado maciço de seres para outros planos de consciência, pois não existe mais permissão para danificar a Sagrada Mãe tão desprestigiada ao longo das eras.

SANAT KUMARA”

Nenhum comentário:

Postar um comentário